Finanças: 8 dicas pra comprar roupas gastando pouco


Oi corações!

Eu sou uma pessoa consumista. Do tipo que, quando enfia alguma coisa na cabeça, do tipo "comprar uma calça", não desiste até comprar, e não importa a forma que for. 

Isso por um lado é bom, porque eu sei o que eu quero e faço o possível para conseguir. Porém, também é algo terrível que já me trouxe problemas do estilo "Becky Bloom". Claro, não atolada em dívidas, mas com contas pra pagar que pareciam infinitas, e cada vez mais iam crescendo. Tipo monstros mesmo, sabe?

Hoje em dia, depois do susto com a conta do cartão de crédito, eu me policiei e tento ser o mais racional possível na hora de comprar alguma coisa, e principalmente roupas. Afinal, você planeja por exemplo, investir numa câmera nova, mas a roupa normalmente vai no estalo mesmo.

Pensando nisso, resolvi compartilhar algumas dicas que eu uso e dão bastante certo na hora de comprar roupas. E a melhor parte é que com o consumo consciente, as coisas acabam ficando bem mais baratas, por incrível que pareça!

1 - Faça uma lista do que você PRECISA: Pode até parecer meio bobo, mas é necessário. Abra seu armário e faça um inventário. Marque tudo o que estiver precisando, como regatas, leggins, calcinhas, e o que mais for necessário. Esse será seu objetivo primário.

2 - Faça uma lista do que você DESEJA: Gente, eu sei que comprar é maravilhoso, mas se você está precisando de calcinhas, não dá pra investir em um colete de pelúcia maravilhoso e andar por aí sem né? Então defina os itens que você tanto deseja. Eles serão seu objetivo secundário.

3 - Pense em Combinações: Você tem aquela jaqueta ma-ra que comprou ano passado no shopping, né? Mas o que você lembrou é que não tem uma calça que combine perfeitamente com ela. Mas "peralá"! Ao invés de comprar uma calça só pra combinar, porque não comprar uma peça coringa? Afinal, ela será muito mais útil combinando com todas as peças do que com uma só.

4 - Compre roupas de inverno no verão, e vice e versa: Essa foi ensinada pela mamain. ♥ kkkkkk Ela sempre me ensinou a comprar blusas de frio no verão, e blusas de calor no inverno. O preço é infinitamente mais barato, e quando chegar a estação, você já tem seu guarda roupas preparado!

5 - Use a fórmula mágica: "Investir em um top cropped de R$ 200 reais ou não? Eis a questão!" Tá na dúvida, coração? É só fazer o seguinte cálculo "Preço da peça x Quantas vezes vou usar". Você vai usar seu cropped, claro! Mas vale mais a pena investir num cropped um pouco mais barato, e gastar esse dinheiro em uma jaqueta, por exemplo. Te garanto que você vai usar um tequinho à mais!

6 - Não parcele. Esqueça!: Por favor, compre o que você pode pagar. Ninguém merece chegar no verão ainda pagando pelas roupas que comprou no inverno né?

7 - Se arrisque. Por que não comprar pela internet? Isso pra mim é novidade. Devido ao meu corpo de Kim Kardashian do Agreste, eu sempre tive medo de comprar roupas online, principalmente a parte debaixo. Mas depois que arrisquei, nunca mais parei! Vale a pena visitar sites como PostHaus, Marisa, C&A e Dafiti pra investir. É muito mais barato que comprar fisicamente, eu garanto!

8 - Compre para seu corpo, assim como ele está: "Mas eu quero emagrecer! Já sei! Vou comprar essa calça aqui pra quando eu vestir 38. Afinal falta tão pouco! Só 5558754668 manequins!" Pára. Pode parar, por favor. Você não vai usar essa calça, amiga, só uma dica. Na dúvida, é melhor comprar pro corpo que você tem agora. Se você emagrecer, é só mandar apertar, ué. Pra que deixar pra depois uma coisa que você pode usar agora?


Corações, espero que vocês tenham curtido as dicas que eu dei e que possam ser úteis a vida financeira de vocês. Ah! E se vocês tiverem alguma dica de post, ou sugestão de post pra essa categoria, me mandem um email através da página Contato ou deixe aqui nos comentários, ok?

Fiquem com Deus! ♥

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário e o mais breve possível ele será respondido! ♥

Tecnologia do Blogger.