Resenha: Para Sempre


Recebi na terça-feira pelos Correios um exemplar do livro "Para Sempre", de Kim e Krickett Carpenter, que é o livro que inspirou o filme que possui o mesmo nome, com o Channing Tatum e a Rachel McAdams como protagonistas. Incrivelmente, eu acabei o livro em menos de 24 horas. Pensando na história, resolvi resenhar o livro para vocês, e contar um pouco do que eu achei do meu exemplar. 





Sinopse: A vida que Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois meses após o seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade. Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas. Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida e ela não conseguia se lembrar de seu marido. Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a "Krickitt" com quem Kim havia se casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava.
Ano: 2012
Páginas: 144
Editora: Nova Conceito






Parece algo surreal. O casal perfeito, um acidente drástico, e uma recuperação complicada. Apesar de todos os problemas, Kim não abriu mão de Krickitt em momento algum. E o mais interessante é quando realmente cái a sua ficha de que a história é verdadeira. Kim e Krickitt realmente existem e conseguiram superar o que acharam ser o maior problema de suas vidas. 

A história toda é narrada pelo próprio Kim, o esposo, que conta em detalhes como foi conhecer a Krickitt, desde a primeira vez que ouviu sua voz, até o dia que ele a conquistou novamente, após terem superado todas as adversidades. Entre as páginas, você vai conhecer a Krickitt meiga, e uma Krickitt sem memórias, que apesar de confusa, é assustadora.

Eu confesso que estava esperando muito menos do livro. Imaginei que ele seria bem próximo ao filme, em relação ao enredo, personagens e tudo mais. Fui completamente surpreendida ao saber que a história real do casal comparada à história do filme, só tenha a essência amor+acidente+recuperação de semelhantes. 

O livro é uma verdadeira lição de amor, respeito, cumplicidade e fé.


A capa é linda, a impressão foi ótima, sem falhas ou imperfeições e, com suas páginas levemente amareladas, conquistou um lugar especial na estante. O espaçamento é de ótima leitura, e é o típico livro de "só mais uma página antes de dormir". Não fui fã da lombada, mas gostei muito das cores da edição gráfica e da gramatura do papel. 



Aprovadíssimo, e recomendado! E você, já leu esse livro? ♥

2 comentários:

  1. Ola Mayara, tudo bem?

    Nosssaaaa .. eu não li esse livro e confesso que fiquei mega curiosa!!!
    Vou acrescentar ele na minha lista dos próximos a ler.

    Grande beijo
    Mari

    commarifernandes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Vi o filme há alguns dias pra ver se me interessaria pra ler o livro. Confesso que o filme é vago demais, oque só me deixou mais curiosa pelo livro, porque o livros costuma preencher essas vagas que alguns filmes deixam, apesar de os atores ótimos e do enredo ser bom, voce meio que sente que tem algo faltando. Pra mim é ler o livro agora, de certeza!

    Beijos da Myym, e obrigada pela resenha que me ajudou a colocar o livro na minha wish list ((:

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário e o mais breve possível ele será respondido! ♥

Tecnologia do Blogger.